Secretaria de Educação de Pernambuco investiga dois casos de mochilas e kits escolares jogados no lixo

Resultado de imagem para Secretaria de Educação de PE investiga dois casos de mochilas e kits escolares jogados no lixo

 

 

 

 

A Secretaria de Educação de Pernambuco investiga dois casos de descarte irregular de mochilas e kits escolares novos, registrados em menos de uma semana, no Recife. Em um vídeo enviado para o WhatsApp da TV Globo é possível ver algumas bolsas ainda dentro de sacos plásticos e caixas de papelão jogadas em uma área nas proximidades da Escola Governador Barbosa Lima Sobrinho, na área central da cidade. Além dessa ocorrência, o governo apura o desperdício de material escolar em uma comunidade de Boa Viagem, na Zona Sul da capital.

As imagens enviadas para a Globo Nordeste foram gravadas por uma pessoa que preferiu não ser identificada. Ela conta que encontrou as mochilas jogadas no lixo da unidade de ensino na tarde do sábado (20). “Estava na parada de ônibus, quando um senhor muito revoltado apareceu mostrando uma mochila nova na mão. Ele disse que achou as mochilas da rede estadual novas no lixo da escola. Eu não acreditei quando ele falou e continuei sem acreditar naquele absurdo quando fui olhar”, comenta.

Ainda sem entender o motivo do descarte, a telespectadora diz que o material estava empilhado e ensacado como se o pacote nunca tivesse sido aberto. “Não tem lógica para o que vi. Tanta criança por aí sem mochila e material escolar e esses sendo jogados fora ainda sem usar. Estavam tão novos que algumas pessoas que estavam na parada de ônibus comigo resolveram pegar”.

O outro caso aconteceu na Zona Sul do Recife. Na terça-feira (23), moradores da comunidade Entra a Pulso, em Boa Viagem, encontraram o material descartado dentro de uma caçamba de lixo. As mochilas guardavam um kit escolar formado por lápis, caneta, régua, borracha e lapiseira.

Em nota, a pasta garante que não descarta o material escolar no lixo comum nem orienta as escolas a adotar esse procedimento. “A Secretaria de Educação do Estado destaca que está trabalhando na apuração rigorosa do caso das mochilas encontradas na comunidade em Boa Viagem e na Escola Governador Barbosa Lima para saber se houve algum tipo de desvio ou furto deste material de alguma das escolas da Rede que pudesse ocasionar o fato”.

A secretaria ainda afirma que o material sai do galpão diretamente para as escolas. “Portanto, a apuração será feita, primeiramente, junto às escolas que ficam perto de onde o material foi encontrado para que possamos identificar o que de fato ocorreu e tomar as providências cabíveis”, diz. (G1)

Bahia vence Sport e é tri-campeão da Copa do Nordeste

Resultado de imagem para bahia campeão da copa do nordeste

 

 

 

 

O Bahia dominou e venceu o Sport por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, na Fonte Nova, pela decisão da Copa do Nordeste. Após o empate em 1 a 1 no primeiro jogo, o tricolor se sagrou tri-campeão do torneio, de maneira invicta quando jogando em casa. Edigar Junio fez o gol do título do Bahia, ainda no primeiro tempo.

O Sport, precisando da vitória, começou tomando a iniciativa do jogo. O Bahia apostava em contra-ataques para chegar ao gol rubro-negro. Aos 12 minutos, Edigar Junio recebeu passe, girou em cima da marcação e ficou cara a cara com Magrão. O atacante, com um lindo toque, encobriu o goleiro Magrão e abriu o placar para o Bahia na Fonte Nova, aumentando a vantagem do tricolor.

A partir daí, o Sport pareceu ter sentindo muito o gol, não conseguindo ficar mais com a posse de bola. O Bahia, por outro lado, dominava o jogo e colocava muita pressão no Leão. Pressão que quase resultou no segundo gol aos 30 minutos, em cabeçada na trave de Edigar Junio. Na primeira chegada do Sport na partida, Rogério caiu dentro da área e pediu pênalti. O árbitro não foi na dele e deu o segundo amarelo, resultando na expulsão do jogador. O jogo foi para o intervalo com o Bahia vencendo por 1 a 0 e o Sport perdido em campo.

O jogo no segundo tempo começou como terminou o primeiro. O Bahia tocava a bola e encurralava o Leão no seu campo defensivo. Aos 12 minutos, Magrão já era o nome do jogo, salvando o rubro-negro em várias oportunidades. O que parecia era que o Bahia que precisava do resultado, pelo ímpeto e pressão que fazia no adversário.

A partir dos 30 minutos, o Sport se lançou para o desespero. O Bahia, com um homem a mais, se fechava e arrancava no contra-ataque. Nos lances finais, as duas equipes trocaram oportunidades, mas ninguém conseguiu marcar. Aos 48, Francisco Carlos do Nascimento apitou, e o Bahia foi tri-campeão da Copa do Nordeste.

FICHA TÉCNICA
BAHIA 1 X 0 SPORT

Local: Fonte Nova, Salvador
Data-hora: 24/5/2017 – 21h45
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)
Auxiliares: Esdras Mariano Albuquerque (AL) e Rondinelle dos Santos Tavares (AL)
Público: Não divulgado
Cartões amarelos: Régis, Edson, Renê Júnior, Allione e Tiago (BAH); Rogério, Ronaldo, Leandro Pereira, Marquinhos e Mena (SPO)
Cartões vermelhos: Rogério, 32’1°T, Ronaldo, 46’2°T e Lenis, 46’2°T (SPO)
Gols: Edigar Junio, 12’1°T (1 a 0)

BAHIA: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonsea e Armero; Renê Júnior (Juninho, 19’2°T), Edson, Régis (Matheus Sales, 24’2°T) e Allione; Zé Rafael (Gustavo, 37’2°T) e Edigar Junio – Técnico: Guto Ferreira

SPORT: Magrão; Raul Prata (Marquinhos, int), Matheus Ferraz, Oswaldo Henríquez, Durval e Mena; Fabrício (Éverton Felipe, 6’2°T), Ronaldo (Leandro Pereira, 34’2°T) e Diego Souza; André e Rogério – Técnico: Ney Franco.

 

Do Portal Terra

Governo de Pernambuco faz protocolo para pedir certificado internacional de eliminação de filariose

Culex é o transmissor da filariose (Foto: Wikimedia Commons)

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) elabora um protocolo para solicitar a organismos nacionais e internacionais o atestado de eliminação da filariose. O documento será enviado ao Ministério da Saúde, à Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) e à Organização Mundial de Saúde (OMS).

Em todo o Brasil, a doença era registrada, até 2013, apenas em Pernambuco. Ela é transmitida pelo mosquito culex, também conhecido no estado como ‘muriçoca’.

A filariose chegou a ter uma prevalência de mais de 1% da população em quatro cidades do Grande Recife: capital, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Paulista. De acordo com a Secretaria, com a certificação para Pernambuco, será possível confirmar que o país inteiro ficou livre da moléstia.

Para elaborar o protocolo, o governo de Pernambuco deve cumprir quatro critérios: analisar inquéritos de casos em áreas onde foram identificados pacientes, avaliar prontuários de até 30 anos, bem como fazer relatórios de ações desenvolvidas para melhorar o saneamento nos municípios e catalogar pesquisas e estudos sobre o assunto.

Há 15 dias, os técnicos da SES finalizaram uma etapa importante dos quatro critérios definidos pelo protocolo para atestar a eliminação da doença. Eles encerraram o inquérito de investigação em duas áreas do Recife, com prevalência de casos. As atividades ocorreram em Santo Amaro, na área central da capital pernambucana, e em Campo Grande, na Zona Norte.

Nesse processo, foram avaliadas crianças de 5 e 6 anos de idade. Segundo o governo de Pernambuco, foi cumprida uma recomendação feita pelos órgãos internacionais. Eles apontam que essa é uma forma correta de mostrar a presença da doença em um determinado local.

“Como os menores se deslocam pouco, caso exista alguma notificação, fica mais fácil concluir que eles contraíram a filariose naquela área específica. E nesses testes que fizemos não encontramos nenhum caso”, afirmou Alexandre Menezes, responsável pelo desenvolvimento do Programa Sanar, que combate doenças consideradas negligenciadas.

Para encerrar esse ciclo, a Secretaria fará a mesma avaliação em áreas dos outros municípios que notificavam filariose na Região Metropolitana. “Temos ações previstas para 2018, mas até agora estamos confirmando a eliminação da doença. Fizemos uma média de 150 mil exames de rotina por ano e estamos sendo aprovados no protocolo”, observou Menezes.

A SES informa também ter finalizado o processo de investigação de casos e prontuários antigos. “Fizemos isso nos arquivos da Fundação Oswaldo Cruz e das unidades de saúde de Pernambuco”, afirmou. As demais etapas estão em curso e serão encerradas no próximo ano.

Registros

Em 2003, segundo dados da secretaria, a filariose era considerada endêmica. Os testes davam positivo para 1.000 pessoas a cada 100.000 examinadas. Desde 2014, no entanto, a prevalência da doença é de 0%.

Em 2011, o Programa Sanar teve início. Naquele ano, foram 11 casos. Em 2012, houve cinco registros. Em 2013, a secretaria fez a última notificação da doença.

Durante os seis anos de ações desenvolvidas pelo programa Sanar, 900 mil exames foram realizados. “Para eliminação da filariose como problema de saúde pública, as ações de controle desenvolvidas foram, principalmente, o tratamento dos casos positivos encontrados, tratamento coletivo nas áreas de maior prevalência e ações de controle da muriçoca”, ressalta Menezes.

Programa

O Programa Sanar foi criado para realizar ações específicas contra as doenças negligenciadas. São elas: tuberculose, hanseníase, esquistossomose, geo-helmintíase, filariose, leishmaniose, doença de Chagas e tracoma.

Para cada enfermidade, há atividades de prevenção, diagnóstico e tratamento dos casos, além de capacitação dos profissionais. Em 2011, 108 cidades iniciaram os trabalhos em parceria com o Sanar. Atualmente, esse número foi ampliado para 141 cidades

Desde o início, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) investiu R$ 8 milhões na iniciativa, além de ter repassado mais R$ 4 milhões diretamente para os municípios, totalizando R$ 12 milhões.

“O trabalho do Sanar é feito de forma integrada com diversos setores da Secretaria de Saúde, das Gerências Regionais de Saúde e das secretarias municipais de Saúde. Esse esforço em conjunto possibilitou o tratamento das doenças integrantes deste Programa estadual e, consequentemente, alcançamos o objetivo de melhorar os indicadores estaduais”, ressalta Menezes.

Filariose

É uma verminose que atinge os vasos linfáticos. Na maioria das pessoas infectadas, não aparecem sintomas, mas a doença pode ocasionar deformidades em pelo menos 1% das pessoas portadoras. Os principais sinais desses casos mais graves são: edema de membros e/ou mamas, no caso das mulheres, erisipela e hidrocele nos homens podendo ocorrer urina leitosa. (G1)

Manifestantes ateiam fogo no prédio do Ministério da Agricultura

Resultado de imagem para Manifestantes ateiam fogo no prédio do Ministério da Agricultura

 

 

 

 

Manifestantes que estão na Esplanada dos Ministérios na tarde desta quarta-feira para protestar contra as reformas propostas pelo governo federal e para pedir a saída do presidente Michel Temer atearam fogo na sede do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Antes, um grupo já havia tentado invadir o Ministério da Fazenda, mas foi contido pela Força Nacional. O prédio já havia sido esvaziado.

O clima na Esplanada é bastante tenso. O Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque) e a cavalaria da PM agem para tentar controlar a confusão. Há registro de confrontos em ao menos três cordões de isolamento formados pela polícia. Os manifestantes derrubaram alguns banheiros químicos e se protegem atrás deles.

Ainda não há um registro oficial, mas a reportagem flagrou ao menos duas pessoas feridas e uma sendo detida. Mesmo com toda a situação, os organizadores da marcha que estão em um carro de som pedem que as pessoas continuem no local e gritam que a “PM não tem o direito de acabar com o protesto”.
A confusão começou quando manifestantes que estavam próximos à Alameda das Bandeiras, em frente ao gramado do Congresso Nacional, derrubaram grades que isolavam o local. A polícia então respondeu lançando bombas de efeito moral e gás de pimenta no grupo. Em seguida, os participantes do protesto passaram a lançar pedaços de madeira, pedras, garrafas e outros objetos contra a polícia. Eles também gritam palavras de ordem contra a PM.
Do Correio Braziliense

Policiais e manifestantes entram em confronto na Esplanada dos Ministérios

Policiais e manifestantes em confronto. Foto: Ed Alves/CB/D.A Press (Policiais e manifestantes em confronto. Foto: Ed Alves/CB/D.A Press)

 

 

 

 

Policiais e manifestantes entraram em confronto na tarde desta quarta-feira na Esplanada dos Ministérios. Mais de 25 mil pessoas, segundo estimativas da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), estão no local para protestar contra as reformas propostas pelo governo federal e pedir a saída do presidente Michel Temer.

A confusão começou quando manifestantes que estavam próximos à Alameda das Bandeiras, em frente ao gramado do Congresso Nacional, derrubaram grades que isolavam o local. A polícia então respondeu lançando bombas de efeito moral e gás de pimenta no grupo. Em seguida, os participantes do protesto passaram a lançar pedaços de madeira, pedras, garrafas e outros objetos contra a polícia. Eles também gritam palavras de ordem contra a PM.

 

O clima no local é bastante tenso. O Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque) e a cavalaria da PM agem para tentar controlar a confusão. Há registro de confrontos em ao menos três cordões de isolamento formados pela polícia. Os manifestantes derrubaram alguns banheiros químicos e se protegem atrás deles.
Ainda não há um registro oficial, mas a reportagem flagrou ao menos duas pessoas feridas e uma sendo detida. Mesmo com toda a situação, os organizadores da marcha que estão em um carro de som pedem que as pessoas continuem no local e gritam que a “PM não tem o direito de acabar com o protesto”.
Houve uma tentiva de invasão à sede do Ministério da Fazenda. Alguns vidros foram quebrados e o prédio precisou ser esvaziado. Contudo, a Força Nacional agiu antes que os manifestantes conseguissem entrar no local.
O deputado Givaldo Carimbão (PHS-AL), que participa do ato, definiu a confusão como “lamentável” e pediu que os manifestantes reagissem dizendo “Fora, Temer”. “Estou aqui solidário aos trabalhadores que vieram dizer que o presidente da República não tem mais condições de governar o Brasil”, afirmou.
Outro deputado, Vicente Paulo da Silva, conhecido como Vicentinho (PT-SP), afirmou que já participou de outras marchas e que os trabalhadores “nunca foram tratados assim”. “A sociedade está acompanhando, está vendo e vamos estar juntos até o fim”, disse.
Do Correio Braziliense 

Há 43 anos, Cilene Aubry conquistava o título de Miss Pernambuco para Serra Talhada

 

 

 

Há exatos 43 anos, em 24 de maio de 1974, a jovem Cilene Aubry da Costa era eleita Miss Pernambuco, no Recife-PE. Foi o primeiro título do tricampeonato inédito conquistado pela cidade de Serra Talhada-PE. Disputando com várias beldades do Estado, a jovem conseguiu se destacar por sua beleza e elegância em uma época de ouro para os concursos femininos.

Certo dia, chegou na casa de seu pai, o ex-vereador Jose Aubry da Costa, um emissário da organização do concurso para saber do mesmo se a cidade forneceria alguma jovem. Diante da negativa o emissário foi embora, mas, percebeu na filha do anfitrião uma beleza estonteante. Dias depois ligou para a casa e quem atendeu foi sua avó materna, Raquel, que animada com o convite confirmou em segredo seu nome. No outro dia, a cidade via estampada uma foto de Cilene como candidata, para a surpresa de todos e a partir daquele momento a torcida aumentou cada vez mais. Várias caravanas saíram de Serra Talhada rumo ao Recife para ver a conquista do título. Sua chegada na cidade ficou na história e serviu de ponta-pé para as demais conquistas e para a cidade ser reconhecida por sua beleza feminina.

Bahia e Sport decidem Copa do Nordeste na Fonte Nova

Resultado de imagem para Bahia x Sport

 

 

 

 

Será encerrada nesta quarta-feira, na Fonte Nova, em Salvador, a edição de 2017 da Copa do Nordeste. Em busca de um título que poderá dar novos ares de confiança para o restante da temporada, estarão frente a frente Bahia e Sport, às 21h45 (de Brasília) da próxima quarta-feira. No primeiro jogo, na Ilha do Retiro, um empate em 1 a 1 manteve a disputa em aberto para o confronto da volta.

Para conseguir celebrar a conquista dentro de casa, o Bahia conta com boas notícias em relação aos atletas relacionados. O meia Régis, um dos principais destaques da temporada e que era dúvida para a partida, aparece entre os relacionados e deve iniciar o jogo como titular. Lucas Fonseca, que também tinha situação incerta, é outro que fica à disposição.

Para o treinador Guto Ferreira, o título seria a consequência de um projeto que vem sendo levado a sério dentro do clube, e premiaria o trabalho que vem sendo feito por comissão e diretoria.

“A busca é de um Bahia forte sim. O planejamento foi para isso. O título para a instituição neste momento é de suma importância para fortalecer o que a direção vem fazendo. Toda esta movimentação, esta qualificação de trabalho feito no Bahia se efetiva a partir de que os resultados se firmam. E um resultado como este tem tudo para chancelar o que tem sido feito”, comentou o técnico.

No lado do Sport, que tem a missão de buscar o título longe de seus domínios após ficar só no empate no Recife, fica o apoio de quem ficará torcendo em Pernambuco. No embarque para Salvador, o elenco foi ovacionado pela torcida no aeroporto. Clima que deixa o grupo ciente da relevância carregada pela partida, como comentou o técnico Ney Franco.

“Sabemos da importância desse momento e a oportunidade que todos nós temos como profissionais de deixar o nosso nome no clube com o título”, afirmou o treinador, demonstrando um sentimento de responsabilidade que também é compartilhado também entre os atletas.

“E jogo para zero de erro. Temos que evitar os erros atrás para dar tranquilidade ao time de ir buscar os gols lá na frente”, declarou o zagueiro Durval.

Na final, o Sport poderá contar com o retorno do lateral-esquerdo Mena. O chileno havia se lesionado no início do mês na Copa Sul-Americana e estava de fora desde então, mas será presença no jogo desta quarta-feira.

FICHA TÉCNICA

BAHIA X SPORT 

Local: Fonte Nova, em Salvador (BA)

Data: 24 de maio de 2017, quarta-feira

Horário: 21h45 (Brasília)

Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)

Assistentes: Esdras de Lima Albuquerque (AL) e Rondinelle dos Santos Tavares (AL)

BAHIA: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Armero; Edson, Juninho (Renê Júnior) e Régis; Zé Rafael, Allione e Edigar Junio.

Técnico: Guto Ferreira

SPORT: Magrão; Matheus Ferraz, Henriquez e Durval; Everton Felipe, Ronaldo, Fabrício, Diego Souza e Mena; André e Rogério.

Técnico: Ney Franco

 

Da ESPN

Prazo para pagar a taxa de inscrição no Enem 2017 termina nesta quarta-feira (24)

 

Resultado de imagem para Prazo para pagar a taxa de inscrição no Enem 2017 termina nesta quarta-feira

 

 

 

O prazo para os candidatos inscritos na edição 2017 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pagarem a taxa de inscrição termina nesta quarta-feira (24), dentro do horário bancário. Todos os candidatos que não têm direito à isenção devem realizar o pagamento para garantir sua participação nas provas que, neste ano, acontecem nos dias 5 e 12 de novembro, dois domingos consecutivos.

O Enem 2017 teve pelo menos 6,5 milhões de inscrições. O último balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) indicava que, às 15h de sexta-feira (19), o sistema registrou 6.535.884 inscritos.

Últimas horas

O ritmo de inscritos no último dia aumentou: só nas últimas sete horas (entre as 8h e as 15h), mais de 510 mil pessoas fizeram seu cadastro no site. A média neste período é de 1.224 novos inscritos por minuto. O prazo acabou às 23h59 de sexta.

A expectativa do Inep era de que cerca de 7 milhões de inscrições. De acordo com a assessoria de imprensa do Inep, o balanço final de participantes do Enem só será divulgado na próxima semana.

No ano passado, foram 9,2 milhões de inscritos – ou seja, até o momento, foram realizados o equivalente a 65% dos cadastros de 2016. Em 2015, o total foi de 8,4 milhões.

A taxa subiu para R$ 82 e o boleto precisa ser pago até 24 de maio. Para checar o status de sua inscrição e gerar o boleto, os candidatos devem acessar o site www.enem.inep.gov.br/participante. (G1)

Manifestantes bloqueiam trecho da BR-104 em protesto contra Michel Temer

Trânsito está parado na rodovia devido ao protesto contra Michel Temer (Foto: Divulgação/Wellington Holanda)

Manifestantes bloquearam um trecho da BR-104 em protesto contra o governo do presidente Michel Temer na manhã desta quarta-feira (24). O ato começou por volta das 5h e terminou às 7h55 no quilômetro 92 da rodovia, entre os municípios de Cupira e Agrestina, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o grupo ateou fogo em pneus e o trânsito está parado no local. Eles ainda protestam contra a reforma trabalhista e da Previdência. Segundo a polícia, cerca de 50 pessoas participaram do ato. (G1)

No Sertão de PE, mãe é detida por agredir a filha após criança sair de casa sem permissão

Resultado de imagem para agressao contra adolescente

Uma mulher de 28 anos foi detida suspeita de agredir a filha, de 10, após a criança sair de casa sem permissão em Arcoverde, Sertão de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, a menina apresentava várias lesões nas pernas. O caso ocorreu nessa terça-feira (23).

Ainda segundo a PM, a mãe confirmou que o motivo da agressão foi porque a menina havia saído de casa sem permissão.

Tanto a mulher quanto a garota foram levadas para a Delegacia de Polícia Civil de Arcoverde. A menina ficou aos cuidados do Conselho Tutelar. (G1)