Casal tenta agredir mulher a golpes de foice em Serra Talhada

download

 

 

Policiais Militares da Operação Poligono/ 14º BPM foram acionados pela Central de Operações para se deslocarem até o trailer da PM na Travessa Barão de Lucena, Distrito de Varzinha, Serra Talhada – PE, onde a vítima M. José dos Santos Silva, 32 anos estava aguardando e relatou que havia sido agredida e ameaçada pelos imputados S. A. de Lima, 35 anos e M. E. dos Santos, 27 anos, dizendo que ao tratar de assuntos particulares com os mesmos perderam o controle diante da conversa, que o imputado 01 havia entregue uma foice a imputada 02, que é sua esposa, para que a mesma pinicasse a vítima.

Diante das informações, o policiamento se dirigiu até o endereço onde conduziu as partes, juntamente com uma foice e uma faca que estava com os envolvidos para a DPC local para as providências cabíveis junto a autoridade competente.

Tiroteio mata adolescente de 17 anos, e deixa o irmão em estado grave em Petrolina

 

 

Um tiroteio na madrugada deste sábado (03), em Izacolândia, distrito de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, deixou uma pessoa morta e dois feridos. O crime aconteceu na Rua Atrás da ESA e foi praticado por dois homens. Um deles, foi preso no inicio de setembro, pelo efetivo da Companhia Independente de Polícia Militar (7ª CIPM), com diversas pedras de crack.

Segundo informações do 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM), três jovens foram atingidos, sendo dois deles irmãos, um de 14 e outro de 17 anos. De acordo com o 5º BPM, os adolescentes se desentenderam com dois vizinhos, que após a discussão foram em casa, voltaram armados e efetuaram os disparos. Os suspeitos fugiram do local logo após o crime.

O rapaz de 17 anos não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no Hospital de Lagoa Grande. O irmão, de 14 anos, foi atingido por um tiro na perna e outro no pé. Ele foi encaminanhado em estado grave para o Hospital Universitário (HU), em Petrolina. Já a terceira vítima levou um tiro de raspão na cabeça e já recebeu alta médica.

Equipes do Grupo de Apoio Tático Itinerante (Gati), do Núcleo de Inteligência do Sertão (NIS 4) e oficiais do 5º BPM realizaram buscas na região na tentativa de identificar e prender os suspeitos, mas até o momento não foram encontrados. (G1)

Homem morre após moto colidir de frente com ônibus, no Sertão de PE

Imagem ilustrativa

 

Uma colisão entre uma motocicleta e um ônibus, causou a morte de uma homem de 65 anos, nesta sexta-feira (2), na PE 585 em Ipubi, no Sertão de Pernambuco. O acidente teria ocorrido durante uma ultrapassagem em local proibido.

De acordo com informações da Polícia Militar de Ouricuri, também no Sertão do Estado, o condutor da moto fez uma ulltrapassagem idenvida e colidiu de frente com um ônibus de transporte coletivo de passageiros. O motorista da moto não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local do acidente.

A moto e os pertences da vítima foram entregues na Delegacia de Polícia Civil de Ipubi, que ficará responsável pelas investigações.

Acidente entre carro e caminhão deixa homem em estado grave, no Sertão de PE

 

 

Um acidente na PE-545, próximo ao município de Exu, no Sertão de Pernambuco, deixou um homem de 33 anos gravemente ferido. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima seguia de Petrolina, também no Sertão do Estado, para Juazeiro do Norte, no Ceará.

Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, o homem conduzia uma caminhonete quando bateu em um caminhão e capotou o veículo. A vítima foi socorrida por populares e levado para o Hospital José Pinto Saraiva, em Exú. De acordo com informações, o motorista do caminhão fugiu do local sem prestar socorro.

A unidade hospitalar informou que o homem chegou com muitas escoriações pelo corpo e desorientado. Devido ao estado de saúde, a vítima foi encaminhada para o Hospital Regional de Juazeiro do Norte. (G1)

Sport encara o Internacional para se recuperar do baque

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

 

 

Ainda atordoado pelo baque sofrido diante do Huracán, o Sport volta a campo pelo Campeonato Brasileiro neste sábado (3), a partir das 18h30 no Beira-Rio, em Porto Alegre. Se o último compromisso foi um revés daqueles para não esquecer, na competição nacional a última partida foi uma vitória sobre a Chapecoense, domingo passado. Os leoninos têm 40 pontos e ocupam o 10º lugar. Os gaúchos têm um ponto a mais e duas posições acima.

O fiasco em Buenos Aires pode fazer o técnico Paulo Roberto Falcão mexer novamente, embora ele garanta que não vai mudar muita coisa. A substituição garantida é a volta do lateral-direito Samuel Xavier, que cumpriu suspensão contra o Huracán. “Não tenho feito grandes modificações e não vou criar uma situação de mudar muito porque vai dificultar o entendimento. Estou mexendo cirurgicamente”, disse o técnico.

OBJETIVOS

O discurso da diretoria leonina é ficar entre os dez melhores. Já Falcão pensa mais alto. A cinco pontos do G4, o comandante acredita que é possível chegar, mesmo com tanta gente boa brigando. “Ainda quero brigar pelo G4, embora seja difícil. A diretoria pensa em ficar até o décimo lugar mas vamos fazer uma coisa para diminuir isso. É trabalhar de jogo a jogo”.

REENCONTRO

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Considerado o maior jogador da história do Internacional, Falcão admitiu que o jogo é diferente tanto para ele quanto para o ex-clube, mas quer deixar isso em segundo plano. “Por toda a história é claro que não é um jogo comum para o inter e nem para mim. Mas os protagonistas são os jogadores de hoje”.

CONFIANÇA

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

 

e Falcão esboça confiança numa boa colocação, o meia Diego Souza já consegue desenhá-la. Para o camisa 87, uma vitória rubro-negra em Porto Alegre pode desencadear uma arrancada rumo ao G4. E ele fala isso colocando quase todos os participantes do Brasileirão no mesmo patamar.

“Tem uma equipe que se destaca pelo individual, que é o Corinthians, o resto é tudo no mesmo nível e temos condição de jogar de igual para igual. Se nosso time consegue um resltado positivo amanhã a torcida nos abraça nos dois jogos em casa, onde somos muito fortes”.

O ADVERSÁRIO

A nova postura do técnico do Inter, Argel Fucks, é fechar todos os treinos nas vésperas da partida. Mas o time não deve ter grandes alterações em cima da formação que foi eliminada pelo Palmeiras da Copa do Brasil na última quarta-feira.

Ficha do jogo:

Internacional: Alisson; William, Paulão, Réver e Ernando; Rodrigo Dourado, Nilton, Anderson e Alex; Valdívia e Vitinho. Técnico: Argel Fucks.

Sport: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rithely, Wendel (Danilo), Diego Souza e Marlone; Maikon Leite e André. Técnico: Falcão.

Local: Beira-Rio (Porto Alegre). Horário: 18h30. Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC). Assistentes: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Thiago Farinha (RS).

 

Do Blog do Torcedor

Dupla é presa por tráfico de entorpecentes e receptação de veículo em Salgueiro

 

 

Na noite de ontem (02), por volta das 18h30min; Policiais Militares do 8ºBPM, através de levantamento realizado, foram informados de que havia uma plantação de maconha no Assentamento Monte Alegre, zona rural de Salgueiro. Foram averiguar e constataram que dois elementos em atitudes suspeitas, encontravam – se com uma moto BROSS NXR HONDA, placa PMK 4639, tomada de assalto na cidade de Pena Forte – CE, juntamente com um simulacro de revólver. Em seguida também foram encontrados aproximadamente 97,5 (noventa e sete, cinco) gramas de maconha no local.

Diante o exposto os imputados: Vitor Rafael Costa dos Santos, 23 anos e Rafael Ferreira de Souza, 23 anos, ambos residente na Rua Francisco Alves Paixão, Castelinho, Salgueiro – PE, foram conduzidos para a delegacia local, onde a foram autuados em Flagrante Delito e recolhido para o presídio.

Estados usam aumento de impostos para evitar déficit nas contas em 2016

Previsões de orçamento dos estados para 2016 (Foto: Editoria de Arte / G1)

 

 

Depois de o governo federal entregar ao Congresso Nacional um projeto de Orçamento para 2016 prevendo déficit (despesa superior à receita) de R$ 30,5 bilhões, 15 estados e o Distrito Federal apresentaram as propostas orçamentárias às Assembleias Legislativas prevendo equilíbrio nas contas públicas (gastos iguais às receitas), segundo levantamento do G1.

OS ORÇAMENTOS DOS ESTADOS PARA 2016
Estado Previsão de orçamento 2016
Acre Estimativa só será divulgada quando orçamento for votado
Alagoas Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 8,4 bilhões
Amapá Governo tem até 31 de outubro para enviar proposta
Amazonas Governo tem até 31 de outubro para enviar proposta
Bahia Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 42,6 bilhões
Ceará Governo tem até 15 de outubro para enviar proposta
Distrito Federal Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 32,6 bilhões
Espírito Santo Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 17 bilhões
Goiás Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 25,2 bilhões
Maranhão Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 16,9 bilhões
Mato Grosso Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 16.55 bi
Mato Grosso do Sul Governo tem até 15 de outubro para enviar proposta
Minas Gerais Déficit de R$ 8,9 bilhões: receita de R$ 83,1 bilhões / despesa de R$ 92 bilhões
Pará Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 26 bilhões
Paraíba Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 8,9 bilhões
Paraná Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 54,5 bi
Pernambuco Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 31,04 bi
Piauí Governo tem até 31 de outubro para enviar proposta
Rio de Janeiro Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 79 bilhões
Rio Grande do Norte Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 11,9 bilhões
Rio Grande do Sul Déficit de R$ 6,2 bilhões: receita de R$ 56,3 bilhões / despesa de R$ 62,5 bilhões
Rondônia Governo tem até 31 de outubro para enviar proposta
Roraima Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 3.28 bilhões
Santa Catarina Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 25,75 bilhões
São Paulo Equilíbrio: gastos e receitas estimados em R$ 206,9 bilhões
Sergipe Déficit de R$ 347 milhões: receita de R$ 8,29 bilhões / despesa de R$ 8,63 bilhões
Tocantins Governo tem até 15 de outubro para enviar proposta
Fonte: governos estaduais

 

Apesar da previsão de equilíbrio, alguns estados entregaram as propostas contando com a aprovação de receitas incertas, como o aumento de impostos.

Somente três estados entregaram as propostas orçamentárias com previsão de déficit, assim como a União: Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Sergipe.

Outros oito governos estaduais ainda não apresentaram as peças orçamentárias por ainda terem prazo  para enviar as propostas para as Assembleias Legislativas, de acordo com leis estaduais: Acre, Amapá, Amazonas, Ceará, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rondônia e Tocantins.

Receitas incertas
Nas propostas orçamentárias para 2016, muitos estados apostaram em “maquiar” a previsão de receitas, contando com a aprovação, pelos deputados estaduais e distritais, de pacotes de aumento de impostos para aumentar a arrecadação e fechar o ano sem déficit.

Um dos casos mais emblemáticos é o Distrito Federal. Desde que assumiu o governo, Rodrigo Rollemberg (PSB) tem apontado dificuldades para fechar as contas e solucionar a crise financeira vivida pelo DF. O governo prevê, para 2016, gastos na casa de R$ 32,6 bilhões, com a mesma previsão de arrecadação.

Apesar disso, R$ 1,6 bilhão previsto na arrecadação do DF são de receitas incertas. O governo do Distrito Federal apresentou um pacote anticrise com previsão de aumento de impostos, suspensão de concursos públicos, redução em 20% dos gastos com comissionados, corte de oito secretarias e redução dos salários de cargos de natureza política – incluindo o de Rollemberg e o do vice-governador, Renato Santana.

A implantação desse conjunto depende de aprovação da Câmara Legislativa. Caso os distritais não aprovem parte do pacote, a tendência é que o Distrito Federal feche 2016 com déficit, diferentemente do previso inicialmente.

Outros estados, como Pernambuco e Tocantins (que ainda não enviou o orçamento de 2016), também mandaram pacotes de aumento de impostos para votação nas Assembleias Legislativas.

Pernambuco
Em Pernambuco, a previsão é de gastos e receitas iguais, R$ 31,04 bilhões.

Para fechar o ano que vem em equilíbrio, o governo pernambucano enviou propostas para elevar as alíquotas do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), ICMS (sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços) e ICD (sobre Causa Mortis e Doação), que foram aprovadas pelos deputados e serão elevadas a partir de 1º de janeiro de 2016.

Com os reajustes, o governo de Pernambuco espera aumentar a arrecadação estadual em R$ 487 milhões já em 2016.

Tocantins
Já no estado do Tocantins, o governo ainda não mandou para a assembleia a proposta orçamentária, mas já enviou propostas para elevar as alíquotas de ICMS e IPVA, aprovadas pelos deputados estaduais. Com isso, o estado deve arrecadar até R$ 160 milhões por ano, a partir de 2016.

Rio de Janeiro
Durante o levantamento, o governo do Rio de Janeiro enviou duas respostas diferentes ao G1.

Inicialmente, em entrevista , o governador do estado, Luiz Fernando Pezão, afirmou que a previsão do Rio era de déficit de R$ 11 bilhões em 2016.

Apesar disso, a proposta orçamentária enviada pelo governo à Assembleia Legislativa prevê equilíbrio fiscal, com gastos e receitas estimados em R$ 79 bilhões.

Procurada novamente pelo G1, a Secretaria de Fazenda do Rio de Janeiro enviou a seguinte resposta: “Não existe déficit no Orçamento. O Orçamento enviado para a Alerj é um Orçamento equilibrado, que prevê R$ 79 bilhões de receita, o mesmo volume de despesa. Ele [Luiz Fernando Pezão] tem falado esse número [déficit de R$ 11 bilhões], que foi apresentado para ele há cerca de um mês. Só que isso mudou à medida que o orçamento foi sendo confeccionado”.

No estado, os deputados já aprovaram projeto de lei do governo que altera regras e alíquotas na arrecadação do IPVA. A expectativa de arrecadação do governo com o aumento do imposto é de pelo menos R$ 500 milhões por ano, a partir de 2016.

Déficit

Dos 26 estados e Distrito Federal, apenas três enviaram as projeções de orçamento para o próximo ano com déficit: Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Sergipe.

Em Minas, o governo estima que as receitas do estado serão da ordem de R$ 83,1 bilhões, enquando os gastos girarão em torno de R$ 92 bilhões – um déficit de R$ 8,9 bilhões.

Em Sergipe, a previsão é de que o governo arrecade R$ 8,29 bilhões em 2016, e gaste R$ 8,63 bilhões. Assim, o estado prevê déficit nas contas públicas da ordem de R$ 347 milhões.

Já no Rio Grande do Sul, a previsão de déficit é de R$ 6,2 bilhões – a receita está prevista em R$ 56,3 bilhões, enquanto as despesas serão de R$ 62,5 bilhões.

O estado enfrenta uma crise financeira considerada sem precedentes pelo governo gaúcho. Sem dinheiro no caixa, o Rio Grande do Sul já não consegue mais pagar os salários do funcionalismo em dia e é obrigado a retardar o pagamento de contas para os meses seguintes, como a dívida com a União.

As contas gaúchas já foram bloqueadas em mais de uma ocasião devido aos atrasos no pagamento da dívida com o governo federal. A Justiça chegou a estipular multa de R$ 50 mil por dia para o governo em caso de atraso do pagamento do salário dos servidores. A decisão, porém,foi suspensa pelo Supremo Tribunal Federal (STF). (G1)

Corpo de recém-nascida que morreu após coma é exumado em PE

Recém-nascida de 10 dias que morreu no Agreste (Foto: Aline Mikaelly/ Arquivo Pessoal)

 

Foi exumado na manhã de ontem (02) o corpo da recém-nascida que morreu após susposto erro médido. O bebê teve cólicas e foi atendido no dia 13 de setembro na Unidade Mista de São José, em Bezerros, no Agreste pernambucano, mas passou mal após ingerir um remédio recomendado pelo médico. Ela entrou em coma e morreu no Hospital Jesus Nazareno, em Caruaru, no dia 17 de setembro. O delegado pediu uma exumação alegando que para o inquérito era necessária a perícia material.

De acordo com o delegado Humberto Pimentel, responsável pelas investigações, o resultado da perícia sai no prazo de 20 a 30 dias. “Enquanto não é divulgado, irei intimar os médicos, enfermeiros e profissionais envolvidos no caso”, explica.

Após sair o resultado, a documentação será enviada ao Conselho Regional de Medicina (Cremepe). “Como são médicos, só quem pode dizer se houve erro ou não na conduta médica é o Cremepe”, diz o delegado.

Pedido de exumação

O delegado detalhou que o procedimento é necessário para que seja feita uma perícia nas vísceras e na corrente sanguínea da criança. “O primeiro parecer, de intoxicação medicamentosa, foi feito no hospital. Para o inquérito, tem que ser um médico pericial”.

Ainda segundo o delegado, o objetivo da perícia é identificar qual foi a causa da morte e o material encontrado no corpo da criança. “Precisamos saber qual foi a substância aplicada, qual a quantidade, e até mesmo se outra substância foi aplicada. Assim, vamos saber se foi negligência, se foi erro médico”.

A assessoria de comunicação da Secretaria Estadual de Saúde (SES) explicou que o hospital só envia um corpo ao Instituto de Medicina Legal (IML) quando a causa da morte é desconhecida.

Entenda o caso
Segundo a mãe, o bebê teve cólicas e foi atendido no domingo (13) em Bezerros, mas começou a passar mal depois de ingerir um remédio recomendado pelo médico. No mesmo dia, a criança precisou ser transferida para Caruaru, onde morreu na quinta-feira (17).

Por meio de nota, a assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde de Bezerros informou à época que aguarda os documentos que estão com a família – atestado de óbito e prescrição do médico – para que “possa acionar o Cremepe [Conselho Regional de Medicina de Pernambuco], que deverá conduzir a investigação de erro”. O departamento explica também que o médico “não faz parte do quadro de funcionários contratados da unidade e estaria substituindo uma médica que teria se ausentado por motivos pessoais”.

A agricultora Amanda Santos, 22 anos, mãe do bebê, relatou o ocorrido. “Ele passou uma dose com 10 gotas do remédio a cada oito horas. Na primeira dose, minha filha começou a passar mal. Levamos para um hospital de Caruaru, ela ficou em coma, e ontem de madrugada morreu. Espero que ele pague pelo que fez, porque tirou uma vida de mim, né?”.

O pai da criança, Wellisson Sérgio do Nascimento, afirmou que a filha saiu de casa com cólica e piorou após o medicamento. “Ela saiu de casa chorando como um bebezinho que tem cólica, mas depois dessa medicação ela ficou roxa, paralisada, mole e não tinha mais reação nenhuma”.

Amanda Santos disse que vai lutar por justiça. “Se não tomar providência, do jeito que aconteceu comigo, amanhã vai acontecer com outras mães. O que eu puder fazer para conseguir justiça, eu farei. Porque só quem sabe a dor da perda sou eu”. (G1)

Eleição para Conselheiros Tutelares acontece neste domingo (04) em todo Brasil

 

O Conselho Tutelar é composto por cinco membros, eleitos  pela comunidade para um mandato de três anos. Em todo o Brasil, a população vai poder votar no próximo domingo (04) e escolher quem vai fazer parte do Conselho da sua cidade neste próximo mandato..

Em Serra Talhada, a votação acontecerá na AESET (Fafopst – Faculdade de Formação de Professores de SerraTalhada) das 8 às 17 horas. Para poder votar, o eleitor deve levar o título de eleitor e a carteira de identidade, ou algum outro documento com foto. Você pode escolher e votar em até cinco candidatos.

Todos os dias, crianças e adolescentes são vítimas no Brasil das mais diversas e variadas formas de violência. Segundo o mapa da violência contra crianças e adolescentes.

O Brasil ocupa o quarto lugar dentre os países onde mais se mata crianças e adolescentes, em um universo de 99 países pesquisados.

Uma das estratégias do Brasil para combater a violência contra crianças e adolescentes foi a criação de Conselhos Tutelares nos municípios, na esteira da aprovação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), instituído pela Lei 8.069.

A principal tarefa do Conselho é zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente, conforme determinado no Estatuto da Criança e do Adolescente (artigos 131 a 140).

A participação da comunidade é muito importante para que sejam eleitos pessoas realmente comprometidas com as crianças e adolescentes. Aconselha-se conhecer o currículo de cada candidato. Quanto maior a participação popular, mais representativo será o Conselho.

 

Do Caderno 1

STF autoriza depoimento de Lula nas investigações da Operação Lava Jato

 

 

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a Polícia Federal a ouvir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ex-ministros do governo nas investigações da Lava Jato. No despacho, o ministro Teori autorizou a ouvir o Lula como “informante”. Segundo juristas ouvidos pelo Jornal Nacional, na prática, Lula vai ser ouvido como testemunha e, nessa condição, ele não pode mentir, mas pode ficar calado.

A decisão atende a um pedido da Polícia Federal. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, também foi a favor do depoimento do ex-presidente Lula.

Lula vai ser ouvido no inquérito mais importante da Lava Jato no Supremo: o que apura se houve a formação de uma organização criminosa na Petrobras para desviar dinheiro público para o pagamento de propina a políticos. Esse inquérito tem atualmente 39 investigados.

No relatório da Polícia Federal, o delegado Josélio Souza disse que “o então presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na condição de mandatário máximo do país, pode ter sido beneficiado pelo esquema em curso na Petrobras, obtendo vantagens para si, para o seu partido, o PT, ou mesmo para o seu governo, com a manutenção de uma base de apoio partidário sustentada às custas de negócios ilícitos na estatal”.

O ministro Teori Zavascki autorizou também os depoimentos de pessoas como os ex-presidentes da Petrobras José Sérgio Gabrielli e José Eduardo Dutra, o presidente do PT, Rui Falcão, o tesoureiro da campanha de Dilma em 2010, José de Filippi Junior, a ex-ministra da Secretaria de Relações Institucionais Ideli Salvatti, o ex-ministro da Secretaria Geral da Presidência Gilberto Carvalho e o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, que está preso em Curitiba.

O procurador-geral da República opinou que eles poderiam ser ouvidos como testemunhas, mas, na decisão, Teori Zavascki diz: “as pessoas a serem ouvidas não ostentam a condição de investigado, mas de informantes”.

Fonte: Jornal Nacional