Coruripe domina o Serra Talhada e vence fora de casa

serra talhada x coruripe (Foto: André Vinícius / TV Asa Branca)

 

Jogando fora de casa, o Coruripe bateu o Serra Talhada por 2 a 0, na tarde deste domingo, no Estádio Nildo Pereira, o Pereirão, em partida válida pela 5ª rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. Os gols do Hulk alagoano foram marcados por Rafael Granja e Etinho. Com o resultado, o Coruripe assumiu a vice-liderança do Grupo 3 da competição. Já o Serra Talhada caiu para a quarta colocação, permanece com três pontos conquistados e já soma três derrotas consecutivas.

Os 90 minutos

Jogando fora de casa, o Coruripe não tomou conhecimento do Serra Talhada e partiu pra cima desde o começo do jogo. Melhor em campo, o Hulk Praiano pressionou o Cangaceiro, principalmente nas finalizações do atacante Fabiano, mas faltou pontaria para os jogadores. O Serra ainda tentou jogadas ofensivas, mas o destaque da Laranja Mecânica no primeiro tempo foi o goleiro Ferreira.

Veja a tabela da Série D

A segunda etapa começou como a inicial, e logo no primeiro lance, Rafael Granja recebeu de Michel e bateu colocado no canto de Ferreira, abrindo o placar. O Serra acordou depois do gol, mas como diz o velho ditado “quem não faz, leva”, e aos 39 minutos, Ferreira derrubou o atacante na área e foi expulso. Como o Serra já havia realizado três alterações, Enercino foi para o gol. Etinho foi para a cobrança de pênalti e ampliou a vantagem, a bola ainda tocou caprichosamente na trave antes de entrar. O Cangaceiro ainda tentou reagir, mas o Coruripe só administrou o placar.

Na 6ª rodada, o Serra Talhada recebe o Globo, no próximo domingo, às 16h, no Estádio Nildo Pereira. Já o Coruripe viaja até Cammpina Grande para enfrentar o líder Campinense, às 16h, no Estádio Amigão.

 

Do Globo Eporte

Sport sofre gol no fim e deixa escapar primeira vitória fora

38148_14391366370_thumb-5-3

 

Não há outro sentimento para o torcedor do Sport que não seja o de lamentação após o empate em 1×1 com o Atlético-PR, neste domingo, pelo Brasileirão. Não por causa do futebol do Leão, que foi aplicado principalmente no primeiro tempo, mas pelo cenário do jogo na Arena da Baixada, em Curitiba. Os rubro-negros venciam até o último momento do confronto e sofreram o empate no fim. Um gosto de plástico para os leoninos, que se frustram com o resultado e com as chances perdidas no campo, foram no mínimo duas para matar o duelo. Fica a lição para os pernambucanos. Mas é isso, Série A não perdoa vacilos. Marlone fez o gol dos visitantes, enquanto Vilches igualou.

Com o resultado, o Sport corre o risco de sair do G4 ao fim da rodada. O Leão seca Palmeira, São Paulo e Grêmio, que ainda jogam neste domingo. Ainda assim, a campanha rubro-negra merece destaque pelos 30 pontos conquistados. O Atlético-PR é outro que pode cair na tabela. O Furacão tem 29. O próximo compromisso dos leoninos é o Corinthians, mais uma vez de casa. É a chance de corrigir os erros e talvez encontrar finalmente a vitória longe do Recife.

FICHA DA PARTIDA – ATLÉTICO-PR 1X1 SPORT

Atlético-PR: Weverton; Eduardo, Christián Vilches, Kadu e Sidcley; Otávio (Hernández), Hernani e Bruno Mota (Barrientos); Marcos Guilherme, Nikão (Crysan) e Walter. Técnico: Milton Mendes.

Sport: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Danilo (Renê); Rithely, Rodrigo Mancha (Wendel) e Diego Souza; Élber (Ferrugem), Marlone e André. Técnico: Eduardo Baptista.

Brasileirão (17ª rodada). Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR). Árbitro: Anderson Daronco (RS). Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Luiz Claudio Regazone (RJ). Gols: Marlone (S) aos 15 minutos do primeiro tempo; Vilches (A) aos 52 do segundo. Amarelos: Não houve. Público: 27.327.

 

Do Blog do Torcedor

Grafite reestreia com gol e Santa Cruz vence o Botafogo

grafite

 

 

Foi a reestreia dos sonhos. A volta de Grafite aos gramados defendendo as cores do Santa Cruz após 13 anos foi do jeito que o torcedor coral esperava. O camisa 23 marcou o gol da vitória sobre o Botafogo e começou da melhor forma a escrever sua nova passagem pelo clube coral. Assim o Santa quebrou um tabu de 28 anos sem vencer o Glorioso em Campeonatos Brasileiros.

Com a vitória o Tricolor subiu n tabela da Série B e alcançou a oitava posição com 25 pontos, cinco a menos que o quarto colocado, o próprio Alvinegro. Na próxima terça-feira, o Santa volta a campo pela Série B, e terá o Mogi Mirim como adversário, no Arruda. Já o Glorioso chegou ao quarto jogo sem vitória e mais uma vez perdeu posições na Segundona. Também na terça-feira o time entra em campo, contra o ABC, no Engenhão.

FICHA DO JOGO – SANTA CRUZ 1×0 BOTAFOGO

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vítor (Moradei), Danny Morais, Néris e Marlon (Lúcio); Bileu, Wellington Cézar e João Paulo; Lelê, Anderson Aquino e Grafite (Luisinho). Técnico: Marcelo Martelotte

Botafogo: Jefferson Luis Ricardo, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto; Serginho (Daniel Carvalho), Willian Arão, Diego Jardel e Octavio (Lulinha); Neilton (Sassá) e Navarro. Técnico: Ricardo Gomes

Campeonato Brasileiro Série B (17° rodada). Local: Arruda.  Árbitro: Flavio Rodrigues Guerra (SP). Assistentes: Vicente Romano Neto e Carlos Augusto Nogueira (ambos de SP). Gols: Grafite (aos cinco minutos do 2°t)  Cartões amarelos: Anderson Aquino, Danny Morais e Luisinho (S); Serginho e Lulinha (B). Público: 44.865. Renda: R$ 1.008.815

 

Do Blog do Torcedor.

Náutico precisa saber vencer fora se quiser brigar pelo acesso

 

O Náutico pode ter uma excelente campanha dentro de casa, onde ainda não perdeu para ninguém nesta Série B. Mas se realmente quiser subir de divisão vai ter que fazer mais do que apenas vencer dentro dos próprios domínios. Para isso, o Timbu vai ter que mudar sua postura longe do Recife. Precisa aprender a se impor no gramado como faz na Arena Pernambuco. Caso contrário, o alvirrubro vai acabar se acostumando com derrotas como essa para o CRB, neste sábado, no Rei Pelé, em Maceió. O Náutico foi uma equipe lenta e amargou o resultado negativo de 1×0 – Zé Carlos fez o gol dos donos da casa.

O resultado negativo não tira o Timbu da disputa pelo acesso, logicamente, mas acende o alerta para a equipe de Lisca, que fica mais uma rodada fora do G4 – é o sexto com 28 pontos. O detalhe é que a chance de recuperação para os alvirrubros será mais uma vez fora de casa, contra o vice-líder Bahia. Ou seja, o Náutico não vai poder vacilar tanto sob o risco de nova derrota.

FICHA DO JOGO – CRB 1X0 NÁUTICO

CRB: Juliano; Somália, Gabriel, Audálio e Pery; Olívio, Wellington Saci (Clebinho), Cañete e Danilo Bueno; Ricardinho (Leandro Brasília) e Zé Carlos (Isac). Técnico: Mazola Júnior.

Náutico: Júlio César; Lucas Farias, Ronaldo Alves, Fabiano Eller e Fillipe Soutto (Gil Mineiro); João Ananias, William Magrão (Dakson), Marino e Hiltinho; Patrick Vieira (Bruno Alves) e Douglas. Técnico: Lisca.

Série B (17ª rodada). Local: Rei Pelé, Maceió (AL). Árbitro: Rodrigo Raposo (DF). Assistentes: Ciro Junqueira e Luciano de Souza (ambos do DF). Gols: Zé Carlos (C) aos 14 minutos do segundo tempo. Amarelos: Lucas Farias (N), Douglas (N), Zé Carlos (C), Ricardinho (C), Wellington Saci (C) e João Ananias (N). Público: 10.447 Renda: R$ 93.814.

 

Do Blog do Torcedor 

Técnico Cícero Monteiro acredita na reabilitação do Serra contra o Coruripe

 

 

O Serra Talhada vai buscar a reabilitação na Série D do Campeonato Brasileiro na tarde deste domingo contra o Coruripe, no Estádio Pereirão, às 16h, em partida válida pela 5ª rodada do Grupo A-3 da competição. O Cangaceiro vem de duas derrotas fora de casa e os únicos três pontos conquistados foram jogando no Sertão pernambucano. Para o técnico Cícero Monteiro, vencer as partidas em casa podem encaminhar a classificação à próxima fase.

– Temos agora dois jogos seguidos em casa, se fizermos o  dever de casa, 80% da classificação está garantida. Nada melhor do que jogar nos nossos domínios, no nosso campo e ao lado da nossa torcida. É onde trabalhamos no dia-a-dia. Conhecemos todos os locais do campo e esperamos tirar proveito disso.

Apesar da sequência negativa, o comandante afirma que os jogadores estão tranquilos e otimistas para o duelo de domingo.

– A equipe está confiante. Não tem pra quê ter desespero. Os times adversários fizeram o dever delas e agora é a nossa vez. É ter tranquilidade para domingo. Sabemos que é um jogo complicado, difícil. Mas temos muitas chances de ganhar o confronto.

 

Do Globo Esporte

Para conter assédio, Sport renova com Rithely até 2018

Rithely não sairá do Sport de uma maneira fácil

 

 

O Sport não planeja vender nenhum dos jogadores do elenco atual nos próximos meses. Para driblar o assédio de clubes do exterior, a diretoria acertou a renovação de contrato do volante Rithely até 2018, além de um aumento salarial. O vínculo anterior encerraria em 2017.

O valor da multa rescisória, antes em torno de R$ 20 milhões, também aumentou mas os números não foram revelados pela diretoria do clube. Rithely é um dos destaques na boa campanha que o time vem fazendo na Série A. Ele recebeu uma oferta do futebol chinês mas entendeu que o momento bom no Sport pode lhe render ofertas melhores como ir para a Europa.

Na época em que foi procurado pelos chineses, na metade de julho, o próprio disse que sonhava em jogar no Velho Continente. ““Se fosse da Europa lógico que prefiro ir para lá, mas até agora só teve do futebol chinês. Falei com o meu empresário e optei por não ir, mas se chegar uma proposta da Europa e se for boa para o Sport também, vamos sentar e nos reunir”, disse.

 

Do Blog do Torcedor

Náutico terá o lateral Lucas Farias como novidade diante do CRB

 

Henrique Queiroz/Especial para o JC

 

Único jogador que ainda não teve oportunidade – o meia Dakson chegou há poucos dias – o lateral-direito Lucas Farias vai ganhar sua primeira chance no time do Náutico neste sábado (08), diante do CRB, em Maceió. Mas não será no banco de reservas. O jogador de 20 anos, vinculado ao São Paulo, entra direto como titular no posto do prata da casa Guilherme.

A justificativa do técnico Lisca é que o novato adquiriu a confiança e entrosamento com o elenco o suficiente para ganhar a chance, além de ter gostado do trabalho dele durante esta semana. “Chegou o momento de ele ter uma oportunidade, é um dos poucos que não teve. Trabalhou bem essa semana e vai começar a partida salvo algum contratempo até a hora do jogo”, afirmou.

Mas com a saída de Guilherme o Náutico perde um dos jogadores com números que contribuíram bastante para a campanha timbu até o momento. O lateral é o segundo jogador do time com mais desarmes certos. Ele empata com o lateral-esquerdo Gastón Filgueira, ambos com 28. O líder absoluto é o volante João Ananias com 40.

Em outros dois fundamentos levantados pelo site Footstats Guilherme é o melhor do Náutico. Ele é o jogador que mais acertou cruzamentos até o momento, com 12 e mais deixa os companheiros em condições de finalizar: até agora foram 20 vezes. Nos lançamentos Guilherme também aparece em destaque com 25 acertos. Ele divide o segundo lugar com o zagueiro Fabiano Eller. O primeiro, como acontece em todos os times é o goleiro. Nesse caso, Júlio César, com 61.

ATACANTE

Colocado à disposição pelo Coritiba, o atacante Wallyson está negociando com o Náutico. O jogador, formado pelo ABC-RN, atuou cinco vezes na atual temporada e não marcou nenhum gol. Além do Coxa, ele também defendeu Atlético-PR, Cruzeiro, Bahia e Botafogo.

 

Do Blog do Torcedor

Moreilândia desfalca o Salgueiro e quebra série de 38 jogos como titular

Náutico x Salgueiro  (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)

 

 

Domingo o Salgueiro enfrenta o Águia de Marabá, pela 11ª rodada da Série C, sem um nome que virou figurinha certa nas escalações do time. Para a partida, que pode garantir o retorno da equipe ao G-4 do grupo A, o técnico Sérgio China não poderá contar com o volante Moreilândia. Presente em todos os jogos do ano, o jogador vai cumprir suspensão automática por ter levado o terceiro cartão amarelo, na vitória de 4 a 1 contra o Botafogo-PB.

Para o volante, uma das receitas para permanecer no time durante as 34 partidas do ano está, ironicamente, no baixo número de cartões. Com os três recebidos na Série C, ele soma oito amarelos, contanto o Campeonato Pernambucano, Copa do Brasil e Copa do Nordeste.

– Eu venho jogando todas as partidas, tenho a confiança do professor e, como jogo lá atrás, tendo que marcar, venho me prevenindo para não tomar tantos cartões. É sempre bom para nossa carreira manter essa sequência de jogos – conta Moreilândia.

Outro ponto que chama a atenção na longa permanência de Moreilândia como titular da equipe está na versatilidade. Durante a temporada, o jogador foi utilizado em algumas posições, se tornando uma espécie de coringa de Sérgio China.

– Eu estou sempre à disposição do professor, onde ele precisar. Se eu vejo que posso fazer aquela função bem, para ajudar, eu vou sempre fazer. Joguei mais adiantado agora, joguei como lateral-direito, lateral-esquerdo. Onde eu puder ajudar, estarei sempre junto – explica o jogador.

Moreilândia chegou ao Salgueiro em 2006, para defender as categorias de base do clube. Saiu em 2010 e retornou em 2013. Desde então, o volante vem sendo aproveitado por todos os treinadores que passaram pelo Carcará.

– De 2013 para cá, eu venho jogando sempre. Com (Marcelo) Chamusca em 2013 eu dei uma sequência e até hoje eu estou jogando. Mas jogando assim, sem ficar suspenso, é minha maior sequência – lembra o volante, que além dos 34 jogos de 2015, também esteve presente nas últimas quatro partidas do Salgueiro em 2014, sob o comando de Fernando Alcântara.

Desacostumado a ficar fora da equipe, Moreilândia fala sobre a sensação de ver os companheiros treinando para a partida contra o Águia de Marabá, que será realizada no interior do Pará. A vaga no time deve ser herdada por Vitor Caicó.

– É uma sensação ruim. É triste você ver seus colegas viajando para jogar e você ficar treinando a parte física. É sempre bom a gente estar perto do grupo, jogando é melhor ainda. E esse é um jogo importante porque nós precisamos do resultado. Ficar fora de uma partida dessa te deixa triste por um lado, mas feliz por outro, porque sabe que na posição vai entrar um companheiro seu que está trabalhando no dia a dia e vai dar sequência no trabalho.

Apesar da utilização constante e do longo período no Carcará, o jogador só marcou um gol pela equipe pernambucana. A estreia balançando as redes aconteceu na goleada de 4 x 1 contra o Náutico. Partida que carimbou a passagem do Salgueiro para a semifinal do campeonato estadual e selou a eliminação do Timbu.

Secretaria de esportes realiza copas de Futsal em Serra Talhada

altagat1nlzc3eho33qiwgykovyhppg-0_1pypbkzusaknk_jpg1

 

 

O mês de agosto está começando recheado de novidades trazidas pela Secretaria de Esportes da Prefeitura Municipal de Serra Talhada. É que só neste mês, vão acontecer dois grandes eventos. O primeiro, é a 1ª Copa de Futsal das Empresas de Serra Talhada, que estão com as inscrições abertas até o dia 11 de agosto.

E o segundo, será a 1ª Copa sub-12 de Futsal, que tem inscrições até dia 10 de agosto. Para os dois eventos, as equipes devem procurar a Secretaria de Esportes, localizada na rua Padre Ferraz, 252, centro, para efetivar as inscrições, ou através do e-mail: [email protected]

Cícero Monteiro lamenta reação tardia do Serra Talhada e segunda derrota na Série D

 

 

O Serra Talhada sofreu a segunda derrota consecutiva na Série D do Campeonato Brasileiro. O Cangaceiro foi derrotado na tarde do último domingo por 2 a 1 pelo Globo, no Estádio Barretão, e de quebra, saiu da zona de classificação para a próxima fase da competição. O técnico Cícero Monteiro reclamou da arbitragem e de demora para a equipe reagir.

– Quando nosso time começou a jogar já era tarde. Demos muito espaço para o adversário, não ganhamos a segunda bola, erramos muitos passes e infelizmente tomamos o primeiro gol em um pênalti duvidoso. Já o segundo gol estava impedido e o árbitro não deu.

Mas, o comandante da Laranja Mecânica do Sertão não desanimou e afirma que agora é momento de reflexão.

– Agora é trabalhar, esfriar a cabeça e refletir. Vamos procurar fazer uma boa semana de trabalho e esperar uma ótima partida contra o Coruripe para sairmos com a vitória.

Na 5ª rodada o Serra Talhada recebe o Coruripe, no próximo domingo, ás 16h, no Estádio Nildo Pereira, o Pereirão.

 

Do Globo Esporte.