Em Serra Talhada, alunos e professores da AESET protestam pela liberação das verbas do PROUPE

Manifesto-AESET-2-680x250

 

 

Alunos e professores da AESET (Autarquia Educacional de Serra Talhada), se reuniram ás 19h30 dessa quinta em frente a autarquia, na Avenida Afonso Magalhães, área central da cidade, para protestar contra os atrasos, por parte do Governo do Estado, das verbas do Programa Universidade para Todos em Pernambuco (Proupe), que já acumulam 5 meses, o que compromete a manutenção das entidades educacionais em diversos municípios. São 13 autarquias espalhadas pelo estado.

De acordo com informações do governo, cerca de 17 mil estudantes, de 173 municípios de Pernambucos já foram contemplados desde o início do programa. O PROUPE deveria facilitar a manutenção dos estudantes, o que tem ocorrido de forma precária.

As manifestações, segundo integrantes do movimento realizado em Serra Talhada,  têm se repetido em praticamente todo o Estado, buscando garantir que as bolsas para os estudantes não sejam cortadas, além de lutarem pelo fortalecimento do movimento estudantil local. Entre a classe, se fala em “federalizar as autarquias de ensino superior”.

Manifesto-AESET

Com conteúdo de Clóvis Silva, estudante de Letras da UFRPE, via Blog do Nayn Neto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>