Santa Cruz busca reação, mas perde para o Palmeiras

Resultado de imagem para Santa Cruz 2x3 Palmeiras

 

 

O Santa Cruz sofreu mais uma derrota, na noite dessa segunda-feira (03), pela 28ª rodada do Brasileirão. A terceira consecutiva. Dessa vez para o Palmeiras, líder isolado da Série A. O time pernambucano correu atrás do empate, mas terminou atrás de novo, agora por 3×2. O frevo não parou no Arruda, assim como a determinação tricolor. Mas, o adversário não era o primeiro colocado por acaso.

Os palmeirense abriram o placar com o veterano Zé Roberto, Arthur empatou e Leandro Pereira colocou o time paulista de novo a frente. Grafite igualou de novo de pênalti e Róger Guedes consolidou a vitória do líder. Com o resultado, o Santa Cruz se mantem com 23 pontos, na vice-lanterna da competição. O Palmeiras chega a 57 pontos e se afasta do vice Flamengo, invicto no segundo turno.

O Palmeiras teve mais domínio de bola durante o primeiro tempo. Nas tentativas de ataque iniciais, a zaga do Santa Cruz afastou o perigo. Aos 20 minutos, o time paulista teve duas chances dentro da grande área tricolor. Na primeira, o goleiro Edson Kölln fez a defesa e a zaga completou no segundo chute palmeirense.

Pouco depois, Kölln foi novamente acionado. Róger Guedes chutou direto para o gol após cobrança de escanteio e o goleiro tricolor defendeu bem. No segundo escanteio, o defensor tirou de soco e no terceiro seguido, Kölln também afastou o perigo.

Aos 32 minutos, porém, o goleiro, titular há dois jogos, não teve tanta sorte. Érik tocou para o veterano Zé Roberto dentro da grande área. O meia, sozinho com Edson Kölln, abriu o placar para o Palmeiras no Arruda.

O Santa Cruz iniciou sua busca pelo empate. Aos 44 minutos, depois de uma cobrança de escanteio de João Paulo, o atacante Grafite caiu em um lance com Gabriel Jesus. Mesmo com todo o time reclamando um pênalti, o artilheiro afirmou que não enxergou dessa forma.

O primeiro tempo foi também recheado de cartões amarelos. Apenas nesta etapa, cinco jogadores, sendo quatro tricolores, receberam a punição.

O resultado deixa o Palmeiras na liderança isolada da Série A. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

REAÇÃO E DECEPÇÃO

No primeiro minuto do segundo tempo, Danilo Pires errou corte e Leandro Pereira ficou com a bola. Ao tentar finalização, Edson Kölln fez defesa. Mas, o Santa Cruz voltou para esta etapa disposto a buscar o resultado.

O tricolor foi insistente. Aos 10 minutos, o zagueiro Danny Morais iniciou jogada no meio de campo e Allan Vieira recebeu pela esquerda na grande área. O lateral viu o atacante Arthur livre e entregou. Por cobertura, Arthur empatou para o tricolor do Arruda, batendo no canto oposto de Jailson.

O empate não durou. Leandro Pereira pegou rebota da zaga tricolor e marcou o segundo gol do Palmeiras aos 20 minutos. Mas, de novo o Santa Cruz conseguiu igualar o placar. Arthur sofreu falta na grande área e Grafite cobrou o pênalti, fazendo 2×2.

Apesar da animação da orquestra coral, era o líder do campeonato que o tricolor enfrentava. Aos 34 minutos, após um escorregão de Wagner o Palmeiras recuperou a bola. Róger Guedes recebeu passe de Jean e colocou o time paulista de novo na frente e fechou o placar em 3×2.

FICHA DA PARTIDA – SANTA CRUZ 2 x 3 PALMEIRAS

Santa Cruz: Edson Kölln; Danilo Pires, Néris, Danny Morais e Allan Vieira (Jadson); Uillian Correia, Derley (Arthur), João Paulo e Pisano (Wagner); Keno e Grafite. Técnico: Doriva

Palmeiras: Jailson; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio (Cleiton Xavier); Tchê Tchê, Moisés e Zé Roberto; Erik (Leandro Pereira), Róger Guedes (Thiago Santos) e Gabriel Jesus. Técnico: Cuca

Brasileirão (28ª rodada). Local: Arruda, Recife (PE). Árbitro: Dewson Freitas (PA). Assistentes: Marcio Dias e Helcio Araujo Neves (ambos do Pará). Gols: Zé Roberto (P), aos 32 do 1º tempo, Arthur (SC), aos 10 do 2º tempo, Leandro Pereira (P), aos 20 do 2º tempo, Grafite (SC), aos 24 do 2º tempo, e Róger Guedes (P), aos 34 do primeiro tempo. Cartões amarelos: Derley (SC), Néris (SC), Danny Morais (SC), Erik (P), Allan Vieira (SC), Pisano (SC), Grafite (SC), Jailson (P) e Gabriel Jesus (P) Público: 7.189. Renda: R$ 102.040.

 

Do Blog do Torcedor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>