Cantora serra-talhadense Leya Emanuelly explica saída da banda Xcalypso e detona Ximbinha

Resultado de imagem para leya emanuelly xcalypso

 

 

 

 

A cantora serra-talhadense Leya  Emanuelly , ex-vocalista da banda Xcalypso, deu detalhes sobre sua saída do grupo e falou sobre a complicada relação com Ximbinha.

Em texto publicado em seu perfil oficial no Instagram nessa quinta-feira, 18 de maio, Leya deu a sua versão dos fatos.

Leia o texto na íntegra:

“Não posso sair com a imagem de uma pessoa irresponsável, pois não fui e isso não seria justo comigo e nem com quem acredita em mim e no meu trabalho. Saí porque não conseguia me manter no Pará, e já não conseguia ter um relacionamento profissional e pessoal saudável com meu ex patrão. Peço desculpas a todos os fãs e admiradores, não falei quase nada antes sobre minha saída da banda Xcalypso, pois havia um contrato que me impossibilitava de fazer qualquer pronunciamento a respeito e só recebi uma cópia depois que vim embora. (Meu advogado está cuidando disso)
Gostaria de esclarecer alguns pontos:

Eu não saí da banda para me dedicar ao concurso de miss, jamais iria abandonar meu trabalho e deixar as pessoas na mão de uma forma tão irresponsável.
Vim para casa, Serra Talhada-Pe pois precisava de cuidados médicos e não tinha condições de me tratar lá em Belém-PA pois não recebia ajuda de custo da banda.
Estava precisando ganhar algum “extra” paralelo a banda, e pensei: Já que estou em casa e vou participar desse concurso “talvez me abra portas para desfiles, fotos…” Já que eu não poderia ganhar “extras” fazendo shows como cantora em outros lugares.
Foi muito difícil tomar a decisão de sair, fiz da XCalypso meu projeto de vida, mas depois de ter pensado, refletido, e de ter tentado por enumeras vezes conversar e resolver da melhor forma, expondo todos os pontos e quase sempre sem nenhum êxito. Já não tinha um porquê, continuar ali.

Quero dizer que no inicio a gratidão não cabia no peito, por estar trabalhando com o “Ximbinha” e com aquela equipe, era um sonho se tornando realidade, com certeza.
Posso dizer que tive grandes experiências e criei muitas expectativas em cima daquele trabalho, como em qualquer projeto que estive envolvida sei que nada acontece da noite pro dia, posso dizer que não foi falta de paciência, mas com certeza por abuso dela. Não me julgo ingrata pois me doei muito mais do que recebi e chega um momento em que tudo deve ser colocado em uma balança. Nunca aceitei nenhuma das propostas indecentes que surgiram durantes todos estes 12 anos de trabalho e jamais deixei que me ofendessem de qualquer maneira e não foi diferente com ele. Me vi longe de casa, da minha família e amigos, passando por muitas dificuldades principalmente financeiras, com poucas pessoas para confiar e contar, sendo muitas vezes julgada sem direito de defesa, me sentia mal, pois “vesti a camisa” de uma pessoa que posteriormente sem o mínimo de respeito se julgou no direito de me insultar, gritar, e fazer julgamentos com palavras baixas, denegrindo a minha imagem e meu caráter.  A gratidão acabou ali. Nunca recebi um pedido de “Desculpas” em nenhuma das vezes que esse tipo de cena aconteceu. A algum tempo já vinha me sentindo “impotente” devido a essas e outras situações, que infelizmente já transpareciam no meu trabalho. Estou me tratando, pois tive crises de ansiedade constantes e não sabia o que estava acontecendo comigo… Tive problemas com insônia, tonturas, audição,vocal, ansiedade, depressão… Por isso vim para casa, para perto das pessoas que se preocupam comigo. Peço perdão por estas falhas que de alguma forma transpareceram. “As vezes nosso corpo reage de uma forma que não temos o controle.” Graças a Deus, já estou ficando bem. Os que quiserem continuar me acompanhando, logo terei novidades a respeito do meu trabalho. Agradeço pela atenção e paciência de todos!”

 

Da TV Foco

Vôos da rota Serra Talhada-Recife já podem começar a operar em outubro

Imagem relacionada

 

 

 

 

O caminho para o interior de Pernambuco receber voos comerciais está mais curto. Será publicada ainda neste semestre a licitação para contratar as empresas que vão administrar os aeroportos de Caruaru (Aeroporto Oscar de Laranjeiras), e de Serra Talhada (Aeroporto Regional do Pajeú).

A ideia é que os ajustes físicos e operacionais nos equipamentos sejam feitos até outubro, quando o governo do estado planeja que os voos para os dois destinos comecem a operar. Pelo Facebook, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras informou que “está aguardando a autorização dos órgãos responsáveis para iniciar as vendas (de passagem) e as operações em Caruaru”. Outras companhias aéreas também têm interesse nas duas cidades.

De acordo com o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras, os contatos com as companhias aéreas estão bem afinados. “Não é só ela (a Azul). Estive com o vice-presidente comercial da Avianca, Tarcisio Gargioni, e ele tem interesse em Caruaru, assim como a Gol nos sinalizou o interesse na cidade. Também me reuni com Adalberto Bogsan, presidente da Passaredo, e ele tem interesse nos dois aeroportos”, garantiu o secretário.

Imagem relacionada

Além da Azul, Passaredo também demonstrou interesse

 

Segundo Carreras, o aeroporto de Serra Talhada terá a capacidade de receber aeronaves de porte igual ou inferior ao de modelo ATR (turbo-hélice), que comporta até 70 passageiros, Nesse caso, não permite que as aeronaves da Gol e da Avianca operem nele, limitando o interesse apenas à Azul e à Passaredo.

A pendência, portanto, limita-se à contratação das empresas que vão administrar os aeroportos. “A publicação da licitação acontecerá ainda neste semestre e estamos trabalhando para que seja rápida e quem vencer a concorrência faça as adequações para que as companhias iniciem as vendas e o voos comecem a acontecer no interior”, pontuou.

Ainda não foi lançado o edital, mas Carreras informou que a empresa que administra o aeroporto da ilha de Fernando de Noronha, a Dix Empreendimentos, já se mostrou interessada tanto em Caruaru quanto no aeroporto de Serra Talhada.

 

Do Diário de Pernambuco

Agência do Trabalho anuncia 06 vagas de emprego para Serra Talhada

Imagem relacionada

 

 

 

 

A Agência do Trabalho de Serra Talhada em parceira com o Jornal Desafio Online, atualizou seu cadastro de vagas de emprego nessa quarta-feira (10) e está oferecendo 06 oportunidades são elas: Pintor, Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Limpeza, Técnico de Segurança no Trabalho, Vendedora Interna, Empregada Doméstica, Atendente de Farmácia e duas vagas para Borracheiro.

Para concorrer basta enviar seus currículos para o e-mail:[email protected], juntamente com o número do PIS ou NIT e o cargo que pretende ocupar. A Agência está localizada na Avenida Afonso Magalhães, próximo à Câmara de Vereadores.

Maiores informações (87) 3831-9244 / 3831 – 9245 / 3831-9240. Confira as especificidades dos cargos abaixo.

Clique aqui para baixar o quadro de vagas de emprego

 

Assisão, orgulho de Serra Talhada completa 78 anos

 

Resultado de imagem para Assisão

 

 

 

Nascido e criado em Serra Talhada-PE, Francisco de Assis Nogueira, nacionalmente conhecido como Assisão, há 55 anos se destaca como o maior forrozeiro do Nordeste. Desde muito cedo Assisão percebeu o dom para cantar. Aos 11 anos o artista (ainda anônimo) já compunha hinos para escola que estudava e chamava a atenção de professores e coordenadores pela poesia que suas letras traziam.

Foi nos anos 70 que Francisco de Assis Nogueira começou a virar Assisão para o país inteiro. Ganhando destaque na mídia, nessa mesma época, Assisão foi convidado para inaugurar a TV Cultura de São Paulo. Foi após essa aparição que os convites não pararam de chegar e o Rei do Forró foi convidado para participar do programa do Chacrinha e do Fantástico da Rede Globo, o que alavancou ainda mais sua carreira. Foi nessa década que Assisão ficou famoso e ganhou espaço nas paradas de sucesso do Brasil inteiro.

Mas no começo nem tudo foi fácil, o cantor ganha espaço midiático e com isso atrai para si o olha de censura. Naquele tempo o Brasil vivia um período em que não havia liberdade de expressão e qualquer produção cultural contraditória às doutrinas militares era censurada. Assisão chegou a ser interrogado pela polícia federal que o comparou a Geraldo André, cantor nordestino que foi torturado pelo Governo Militar e exilado do Brasil pelo conteúdo das músicas: “Porta Estandarte”, “Aroeira” e”Pra não dizer que falei das flores”, que se tornaram ícones da oposição ao regime militar de 1964. Nessa época, diversos brasileiros tiveram que sair do país para fugir da repressão. Alguns deles foram: Raul Seixas, Chico Buarque e Caetano Veloso que foi preso acusado de subversivo devido suas letra que também opunham o então regime.

Resistente ao DCDP (Divisão de Censura de Diversões Públicas), Assisão acaba por influenciar outros artistas que também eram fortemente investigados, como Luiz Gonzaga, o Rei do Baião. Felizmente o Rei do Forró só perdeu alguns minutos da música “Ponto de Vista” e teve o sucesso “Esquenta Moreninha”, que contém conotação sexual, censurada.

Hoje com 78 anos, o cantor traz na bagagem uma carreira invejável, muitos trabalhos e histórias para contar. Sua carreira já soma mais de  cinco décadas de muito sucesso. Quem nunca dançou forró embalado ao som das músicas como: “Forró Pesado”, “Peixe Piaba”, Pau nas Coisas”, Esquenta “Moreninha”, “Forró do Sertão” ou “Pequenininha”, que já conta com 258 regravações.

Ao todo o cantor soma 46 discos gravados e mais de 700 composições, entre elas algumas regravadas por grandes nomes da música brasileira como: Elba Ramalho, Fagner, Trio Virgulino, Trio Nordestino e etc.

Muito conhecido pelas letras ambíguas, Assisão já recebeu o título de Compositor do Absurdo, foi também coroado o Rei do Forró.

 

Mulher é assassinada a tiros no Centro de Serra Talhada

 

 

 

 

 

 

Uma mulher identificada como Ednairan Pereira dos Santos, 26 anos, foi assassinada a tiros na manhã desta quarta-feira (03),  na Rua Capitão Hemetério, no Centro de Serra Talhada, Sertão de Pernambuco.

Segundo informações,  Ednairan era garota de programa e teria discutido com um homem, sendo morta com um tiro na cabeça dentro de casa. Ainda de acordo com informações, um homem não identificado, se aproximou da vítima e efetuou os disparos. Após a prática do crime, o  algoz se evadiu, tomando destino ignorado.

Com esse assassinato sobe para quinze o número de homicídios registrados na Capital do Sertão do Pajeú.

Circo dos 7 Anões estreia nesta sexta-feira (31) em Serra Talhada

 

 

 

“Uma pirueta, duas piruetas! Bravo… Bravo!”

A lona já está de pé, anunciando que o Circo Pindorama (Circo dos 7 Anões) está mais uma vez em Serra Talhada-PE. Os últimos ajustes estão sendo feitos na grande estrutura para a estreia do espetáculo, nesta sexta-feira (31).

Já são 30 anos de estrada do Circo dos 7 Anões, que sofreu uma grande perda há 27 anos, seu criador Sebastião Benedito Gomes faleceu aos 66 anos, mas conseguiu a façanha da classificação de um dos melhores circos do Brasil.

Naturais do estado do Ceará a Família Gomes hoje é liderada pelos irmãos Gilberto, Charles, Cleide, Cláudio, Rogério, Zuleide e Cleidiomar, que têm entre 56 e 30 anos, são as atrações principais do circo em diversos tipos de apresentações. Os artistas animam o público com o ‘Homem Pássaro’, o ‘Globo da Morte’ e o famoso Taxi Maluco.

O Circo Pindorama conta com mais de 40 pessoas trabalhando e a maioria são familiares, a educação dos filhos é fundamental. Gilberto Gomes explicou que a cada cidade que passam as crianças e adolescentes são matriculadas nas escolas e apenas os mais velhos podem começar a aprender a magia do circo.

Os famosos 7 anões já foram destaques em algumas importantes emissoras do País como: Globo (no programa do Jô Soares), Record (no programa da Ana Hickmann), Rede TV (no Pânico), entre outras.

SERVIÇO:
Circo Pindorama (Circo dos 7 Anões)
Estreia: Nesta sexta-feira (31)
Horário do espetáculo: Ás 20h30
Local: Lagoa Maria Timóteo (por trás do pátio da feira livre)
Ingressos: R$ 10,00 (adulto) e R$ 5,00 (criança), cadeiras custa R$ 15,00.

Dentista morre após ter cabeça esmagada por carreta na BR-232 em Serra Talhada

DR. Júnior

 

 

 

 

Um homem identificado como Deocleciano Lima Júnior, 35 anos, conhecido como “Dr. Júnior”, teve o crânio esmagado, após perder o controle da sua motocicleta na tarde deste sábado (11) na BR-232 em Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco.

Segundo informações, a vítima foi ultrapassar uma carreta nas proximidades do Conjunto Residencial Vanete Almeida e um cachorro saiu de dentro do mato.  Ele freou sua moto e perdeu o controle vindo a cair na rodovia, e a carreta passou por cima do seu crânio, matando-o na hora.

Ainda de acordo com informações, Júnior era dentista e natural de Santa Cruz da Baixa Verde.

moto

 

Jovem desaparece ao sair de casa em Serra Talhada, no Sertão de PE

13606726_1097090187064754_4487536136155891853_n

 

 

 

Uma jovem identificada como Verline de Souza Lima, de 23 anos, desapareceu na manhã desse domingo (15). A jovem é moradora do bairro Bom Jesus.

De acordo com informações, Verline Lima saiu de sua casa na Rua 11 por volta das 10h00 e deixou seu celular. Verline foi vista pela última vez às 11h00 de ontem (15) no bairro da Várzea nas proximidades do estádio Pereirão.

Quem tiver qualquer informação entrar em contato (87) 9. 9809-9778

 

Agência do Trabalho está ofertando 07 vagas de emprego para Serra Talhada e região. Confira!

 emprego

 

 

 

Agência do Trabalho de Serra Talhada em parceira com o Jornal Desafio Online, atualizou seu cadastro de vagas de emprego nesta segunda-feira (10) e está oferecendo 07 oportunidades, são elas: Auxiliar de Dentista, Cozinheira de Lanchonete, Encarregado de Obras, Recepcionista, Técnico em Informática, Vigilante Horista (São José do Belmonte) e Vigilante Patrimonial (Petrolândia).

Para concorrer basta enviar seus currículos para o e-mail:[email protected], juntamente com o número do PIS ou NIT e o cargo que pretende ocupar. A Agência está localizada na Avenida Afonso Magalhães, próximo à Câmara de Vereadores.

Maiores informações (87) 3831-9244 / 3831 – 9245 / 3831-9240. Confira as especificidades do cargo.

 

vagas de emprego