TJD-PE não acata pedido de goleiro e mantém Sport como campeão

224 1024x682 Empate bipolar contra o Cruzeiro, 3 a 3, mostrou o quanto o Palmeiras precisa de Diego Souza. O jogador foi campeão pelo Sport ontem. E adiou a definição. Cuca insiste: quer o jogador, que qualquer jeito...

 

 

 

 

 

Em julgamento nessa terça-feira (18), o Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco não aceitou o pedido do goleiro Luciano, do Salgueiro, sobre a anulação da partida contra o Sport, pela final do Estadual. O jogador questionou a não validação do gol do Carcará, a arbitragem anulou alegando que a bola saiu, e queria uma nova partida. Se o tribunal aceitasse o pedido, o Leão não seria campeão. Mas como não aceitou, os rubro-negros podem ser homologados como campeões após terem vencido por 1×0 na decisão no Cornélio de Barros.

 

O relator Felipe Tadeu indeferiu o pedido do Salgueiro e foi acompanhado pelos outros magistrados que estavam analisando o caso. O placar foi de 7×0 a favor do Sport e contra o Carcará. Foi entendido que não houve erro da arbitragem no lance do gol anulado dos sertanejos.

Com isso, deve-se encerrar o último capítulo do polêmico Campeonato Pernambucano. A competição foi marcada por confusões envolvendo mandos de campo, calendário, arbitragem e agora essa polêmica envolvendo a final do Estadual.

 

 

Do Blog do Torcedor 

Um comentário em “TJD-PE não acata pedido de goleiro e mantém Sport como campeão”

  1. Esse timeco ganhou vários campeonatos pernambucano comprando a arbitragem, foi para final pq a arbitragem prejudicou o Nautico e foi campeão com o arbitro passando a mão nos sertanejos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *