Após resultado, Marília Arraes agradece a apoiadores e critica campanha de João Campos

 

 

A candidata derrotada no segundo turno da eleição no Recife, Marília Arraes (PT) reuniu lideranças de partidos aliados e fez um pronunciamento à imprensa, na noite desse domingo (29), em um hotel no Centro do Recife. Marília iniciou sua fala agradecendo os partidos aliados, em nome do seu vice João Arnaldo (PSOL) e da deputada estadual Jô Cavalcanti (PSOL), e também citou novos apoiadores que se juntaram à campanha a partir do segundo turno, como o presidente do Podemos, o deputado federal federal Ricardo Teobaldo e o deputado estadual Wanderson Florêncio (PSC), entre outros.

Pelo tom usado na coletiva, o acirramento político ainda está elevado. Em lugar do reconhecimento do resultado e felicitações ao vencedor, a exemplo do que aconteceu em São Paulo, quando Guilherme Boulous (PSOL) telefonou durante sua quarentena de tratamento da Covid-19, para Bruno Covas (PSDB), assim que o resultado estava consolidado, no Recife, depois de tantas trocas de farpas, ao que parece, o palanque ainda não foi desarmado.

Em sua fala, a petista fez uma avaliação de sua campanha e criticou a estratégia eleitoral de seu adversário João Campos (PSB), por supostamente utilizar informações falsas e por, segundo ela, questionar sua fé com fins eleitorais. “Nós temos a consciência totalmente tranquila que fizemos uma campanha bonita e limpa, diferente do nosso adversário, que iniciou o segundo turno parecendo que era outra pessoa. Com uma campanha baseada em fake news e fundamentalista, inclusive. Buscando fazer uma confusão nas pessoas sobre minha imagem”, disparou.

Marília voltou a citar a batalha jurídica travada no segundo turno. “A própria Justiça foi, ao longo da semana, tirando do ar (fake news). E também lutamos contra duas máquinas que a gente vem combatendo já há alguns anos”, destacou a petista, se referindo às gestões do PSB na Prefeitura do Recife e no Governo do Estado.

Da Folha de PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *