Feirante que reprovou 13 vezes antes de tirar CNH recebe ‘troféu’ e afirma: ‘Sou um motorista satisfeito’

Paulo recebeu 'troféu' do dono da autoescola onde estudou (Foto: Reprodução/TV Globo)

 

 

 

Na casa do feirante Paulo Barbosa, de 48 anos, o assunto não é outro. Com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas mãos, ele exibe aos parentes e amigos a conquista de um grande sonho. É que para tirar o documento, o morador de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, reprovou 13 vezes nos processos para obter a CNH.

 

Para Paulo, este tem sido o momento mais feliz da vida dele. Até um “troféu” ele ganhou para marcar a conquista. “É um sentimento muito bom. Estou muito feliz porque o que mais eu queria na vida era ser uma pessoa habilitada. Foi muito choro, muita festa, muita alegria”, ressaltou o feirante.

“A sensação é maravilhosa, a de estar dirigindo. O sonho da minha vida era dirigir um carro. Agora eu posso dizer que sou um motorista satisfeito”, Paulo Barbosa.

“Minha felicidade ainda foi mais em ver a felicidade dele. Vamos continuar curtindo e comemorando muito”, disse a filha de Paulo, Monique Florêncio.

Entenda o caso

Seu Paulo, como é conhecido, deu entrada no processo da CNH em junho de 2016. O que ele não sabia é que seria difícil alcançar o objetivo. O feirante reprovou nove vezes na prova teórica.

O homem ouvia deboches dos conhecidos, que tentavam desmotivá-lo, mas isso não foi motivo para baixar a cabeça. Na décima tentativa da prova teórica, para alegria de Paulo e dos familiares, ele conseguiu a aprovação.

Após as aulas práticas, Paulo Alves fez a primeira baliza, a de motocicleta, e reprovou. Como já havia passado um ano, o feirante precisou reabrir o processo para retirar a CNH. Após a reabertura, ele foi aprovado na baliza de moto na segunda tentativa e reprovou duas vezes na prova prática de carro. Na terceira vez, ele alcançou o grande sonho: foi aprovado. (G1)

Relembre: Após 13 reprovações, feirante tira CNH, ganha festa temática da família e diz: ‘Nunca pensei em desistir’

No bolo de comemoração, CNH veio com a frase 'quem acredita sempre alcança' (Foto: Monique Florêncio/Arquivo pessoal)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *