Número de roubos de celulares em Pernambuco cai em março, diz SDS

Alerta Celular

 

 

 

 

O número de roubos e furtos em Pernambucocaiu em março deste ano comparado ao mesmo mês de 2017. Ao todo, foram 8.457 casos de Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP), como a Secretaria de Defesa Social (SDS) intitula a modalidade. Em março do ano passado, foram 10.920 ocorrências registradas no mês de março, o que representa uma redução de 22,6%. Entretanto, quando são confrontados os dados de março com fevereiro de 2018, nota-se uma tendência de aumento – no segundo mês do ano foram registradas 8.063 ocorrências. Os dados foram divulgados nesta sexta (13) pela SDS, em seu boletim de estatísticas mensal. Dados mais sensíveis, como estupros e homicídios, devem ser publicados até segunda (16).

A pasta comemora o índice pelo êxito do sistema Alerta Celular, que completou um ano de operação. Segundo a SDS, por influência do projeto, o número de roubos de celulares caiu bastante, tanto quando se compara março de 2017 e 2018 quanto o confronto fevereiro x março deste ano. No primeiro cenário, foram 4.722 ocorrências no ano anterior e 3.584 no atual, representando queda de 24,1%. Já no segundo caso, a redução foi de 0,6% (3.607 registros em fevereiro contra 3.584 no mês passado).

Ônibus
O número de assaltos a ônibus apresenta, entre fevereiro e março de 2018, certa estabilidade nos índices (73 e 72 investidas, respectivamente). Já analisando março do ano passado com o deste ano, se observa redução de 51% dos casos (foram 147 assaltos a coletivos em 2017).

Bancos e veículos
Quando se compara março de 2017 com 2018 em relação a crimes contra instituições financeiras, a redução foi de 63,6% (11 x 4, respectivamente). Mas este ano, se fevereiro não teve a nenhuma ocorrência deste tipo, março voltou a ter.

Já roubos e furtos de veículos apresentaram queda nos dois cenários. Queda percentual de 23,3% entre março de 2018 com 2017 (1.918 x 1.471) e de 15,4% entre fevereiro deste ano (1.738) e março.

 

Da Folha de Pernambuco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *