Paulo desconversa sobre composição com Lula: “2022 só em 2022”

O governador Paulo Câmara recorreu ao estilo de Eduardo Campos para tratar de sucessão. Foi na coletiva em Serra Talhada.

Perguntado se seria candidato a vice-presidente em uma chapa encabeçada pelo ex-presidente Lula em 2022, Câmara desconversou.

Recorreu ao clássico “2022 a gente trata em 2022”, para dizer que o assunto não está na pauta. O governador disse em linhas gerais que a prioridade é o combate à pandemia e a atração de investimentos.

“Quando chegar lá a gente discute isso com as pessoas certas “.

Câmara informou que se reúne com o Ministro Tarcísio de Freitas sobre o ramal de Pernambuco da Transnordestina. O Ministro afirmou que por questões de viabilidade iria priorizar o ramal do Ceará. “Nosso ramal é mais estruturado e barato”, disse.

O governador assinou o Edital de Licitação da PE-365, entre Serra Talhada e Triunfo.

Segundo o governador, serão até 90 dias para elaboração do projeto e mais até seis meses para execução. A obra está orçada em até R$ 40 milhões.

Dizendo que foi uma das poucaa coisas boas após a pandemia, Paulo Câmara anunciou que leitos de UTI usados no período serão redistribuídos para o Sertão.

“Isso vai reduzir a necessidade de deslocamento dos pacientes no estado”, afirmou.

Alguns momentos tiveram registro de aglomeração na agenda,  como na coletiva de imprensa.  Todos usavam máscara,  mas em alguns momentos lideranças e jornalistas se amontoaram em torno do governador.

 

Do Nill Júnior

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.