Pernambuco registra 5,5 mil roubos em novembro e totaliza 73,2 mil crimes do tipo em 2019

Image result for roubo

 

 

O mês de novembro teve 5.584 crimes violentos contra o patrimônio (CVPs) registrados em Pernambuco, o que representa uma média de 186 assaltos por dia. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) nesta sexta-feira (13). Com isso, em 2019, as queixas de vítimas de roubo totalizaram 73.285 ocorrências.

Os CVPs incluem desde roubos de veículos, cargas e celulares até assaltos a ônibus. O total de crimes desse tipo em novembro é 27,2% menor que o mesmo mês de 2018 e, segundo o governo, o menor desde 2014, ficando atrás apenas dos registros de dezembro daquele ano, quando foram registrados 5.449 crimes contra o patrimônio.

Ao se comparar os registros dos 11 meses de 2019 com o ano anterior, houve redução de quase 15 mil CVPs. Até novembro, foram 88.263 notificações em 2018.

Novembro de 2019 foi o terceiro mês seguido sem nenhuma investida criminosa consumada contra bancos, caixas eletrônicos e carros-fortes, segundo o governo. Entretanto, assaltantes roubaram um revólver calibre 38, dinheiro e pertences de funcionários na entrada do posto de atendimento do Bradesco, localizado no Hospital Oswaldo Cruz, no bairro de Santo Amaro, no Recife.

A secretaria registrou 70 assaltos a ônibus durante os 30 dias de novembro. No mesmo período do ano anterior, foram 96. Nos onze meses do ano, foram 770 queixas do tipo registradas. No mês, também foram registrados incêndios a coletivos durante ações de criminosos.

Durante todo o ano de 2019, os roubos de veículos foram de 14.403 para 12.213, redução de 15,2%. Comparando apenas novembro, o número variou de 1.202 no mês em 2018 para 1.125 em 2019.

Já o número de roubos de celular foi de 2.842 queixas para 2.069. O governo atribuiu a redução ao programa Alerta Celular, em que as pessoas podem cadastrar o IMEI do aparelho e, caso a polícia recupere o equipamento, recebe-lo de volta.

De janeiro a novembro de 2019, as abordagens e operações policiais resultaram na apreensão de 8.917 celulares, quase o dobro dos 4.897 do mesmo intervalo em 2018.

Até novembro, foram apreendidas 6.897 armas e presas 37.313 pessoas. Além disso, os policiais do estado apreenderam 5.639 adolescentes devido a atos infracionais.

Sobre os crimes por localidade, somente no Recife, foram registrados 1.777 roubos, redução de 37,89% em relação aos 2.861 do ano anterior. Na Zona da Mata, os números foram de 799 para 635 ocorrências. No Agreste, os assaltos registrados foram de 1.434 para 1.169. (G1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *