Polícia da Nicarágua prende vigilante particular suspeito de matar pernambucana

Image result for Polícia da Nicarágua prende vigilante particular suspeito de matar brasileira

 

 

 

A polícia da Nicarágua prendeu nessa sexta-feira (27) o vigilante particular suspeito de matar a estudante pernambucana, Raynéia Gabrielle Lima.

Segundo um comunicado distribuído à imprensa, Pierson Gutiérrez Solis, de 42 anos, carregava uma carabina M4 quando foi detido, o mesmo tipo de armamento que teria sido usado para matar Raynéia.

De acordo com Ernesto Medina, reitor da Universidade Americana em Manágua (UAM), onde a brasileira estudava, ela morreu após ser atingida por tiros disparados por “um grupo de paramilitares” que estava na casa de Francisco López, tesoureiro da Frente Sandinista de Libertação Nacional (FSLN), o partido do governo.

A polícia, no entanto, nega a acusação e diz que o vigilante é o autor dos disparos.

Segundo um relatório do IML, a morte de Raynéia foi provocada por ferimentos causados por projéteis de arma de fogo recebidos no tórax e abdome. O laudo não menciona quantos tiros ela recebeu.

A estudante de 30 anos morreu quando voltava para casa após um plantão. Aluna do sexto ano de medicina, ela fazia residência e planejava voltar ao Brasil em 2019, segundo sua família. (G1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *