Preso homem que se masturbou em frente a uma mulher e a ameaçou de morte em PE

Zenildo Mariano da Silva, mais conhecido como "Zé do Pão", já foi condenado a 17 anos de prisão pelo homicídio de uma mulher

 

 

Um homem identificado pela Polícia Civil de Pernambuco como Zenildo Mariano da Silva, mais conhecido como “Zé do Pão”, foi preso em flagrante após se masturbar em frente a uma mulher e ameaçá-la de morte. De acordo com informações da polícia, o homem foi autuado pelos crimes de importunação sexual e ameaça.

O suspeito passou por audiência de custódia, teve o flagrante convertido em prisão preventiva e foi encaminhado ao Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.

Os crimes aconteceram no domingo (10) no bairro do Ibura, na Zona Sul do Recife. Zé do Pão foi presona segunda-feira (11) por policiais civis da Delegacia do Ibura, em ação coordenada pelo delegado Alessandro Menezes Orico. A prisão ocorreu após denúncias anônimas de uma possível tentativa de estupro em uma favela conhecida como Tela, na comunidade dos Milagres, no mesmo bairro. Em seguida, os policiais iniciaram diligência e verificaram que o crime foi, na verdade, uma importunação sexual.

Os crimes

Segundo a polícia, Zenildo entrou no quintal da vítima, arrancou um pedaço da parede de plástico do barraco onde ela mora e, portando dois facões, começou a se masturbar em frente à mulher, enquanto olhava para ela. Em depoimento, a vítima afirmou que presenciou toda a ação calada porque estava com medo. Ao perceber que o homem tentava entrar no barraco, ela começou a falar em voz alta fingindo que o marido estava em casa. Nesse momento, o suspeito saiu correndo e deixou no local as duas armas brancas.

Por fim, quando o homem chegou na delegacia do Ibura após ser preso, ameaçou a vítima de morte em frente a policiais e testemunhas. Ainda segundo a Polícia Civil, Zé do Pão tem uma vasta lista criminal. Ele já foi condenado a 17 anos de prisão pelo homicídio de uma mulher.

Da Folha de PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *