Principal suspeito de mandar matar empresário em Serra Talhada é preso no Ceará

    Acusado: Manoel Nunes                  Vítima: Damião Oliveira

 

 

O  principal suspeito de mandar matar a tiros, em outubro de 2018, o empresário Damião Oliveira, em frente à Câmara Municipal de Serra Talhada, foi preso nessa segunda-feira (11) em Mauriti, no Sertão do Ceará, onde estava escondido.

Segundo informações da Polícia Civil, a prisão de Manoel Nunes de Oliveira, mais conhecido por “Nezinho“, aconteceu após um trabalho de inteligência da Polícia Civil de Pernambuco em parceria com a Polícia Civil do Ceará, onde o acusado foi devidamente localizado.

Ainda de acordo com a polícia, o principal acusado de mandar matar o próprio primo, estava de posse de uma espingarda calibre 12.

Manoel Nunes foi submetido a exame de corpo de delito e encaminhado para o presídio de Juazeiro do Norte, no Sertão do Cariri.

Participaram da operação de inteligência, o delegado Cley Anderson, os comissários Edmilson Dantas, Carlos Antônio Gomes e Vivaldo Xavier. A Polícia Civil pede para que a população siga colaborando com os trabalhos de investigação acionando o disque denúncia da Delegacia de Serra através do fone (whatsapp) 087-98877 2207.

Relembre: Empresário é assassinado a tiros na frente da Câmara de Vereadores de Serra Talhada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *